15 séries da Netflix para começar e terminar durante as férias de julho

A escolha é sua! Bons dramas, episódios curtinhos e personagens marcantes para te tirar do tédio.

0
26

E ai festeiros! Férias é aquela época que não tem como não pensar em seriados – o tempo livre aparece… e o tédio também! Sem falar que dá pra passar noites e noites em claro, pois não existe a obrigação de acordar cedo – maravilhoso demais!

Mas, por mais o mês de julho tenha 31 dias, é preciso fazer boas escolhas pra não perder tempo com séries ruins. Nós pesquisamos 15 séries da Netflix para ver durante as férias de julho. Todas valem cada minuto e episódio:

Gypsy

Foto: Divulgação/Netflix
Gypsy

A história, em dez capítulos, acompanha Jean Halloway (Naomi Watts), uma terapeuta que começa a desenvolver relações íntimas e ilícitas com as pessoas que fazem parte das vidas de seus pacientes. Gypsy é também estrelado por Billy Crudup (Spotlight – Segredos Revelados), Sophie Cookson (Kingsman: Serviço Secreto), Lucy Boynton (Assassinato no Expresso do Oriente), Karl Glusman (Animais Noturnos), Melanie Liburd (Dark Matter), Poorna Jagganthan e Brenda Vaccaro.

Grace and Frankie

Foto: Divulgação/Netflix
Grace and Frankie

A série gira em torno da elegante e aristocrática Grace (Jane Fonda) e a despachada e excêntrica Frankie (Lily Tomlin). Mesmo seus maridos (vividos por Martin Sheen e Sam Watersto) sendo sócios há décadas, elas nunca se tornaram amigas. Porém, quando seus respectivos decidem juntar os trapos, as agora ex-mulheres decidem que é hora de se unir… do jeito delas.

 

As Telefonistas

Foto: Divulgação/Netflix
As Telefonistas

Na Madri dos anos 20, quatro telefonistas da Companhia Telefônica Nacional começam uma revolução ao lidar com romance, inveja e o ambiente de trabalho moderno.

Cara Gente Branca

Foto: Divulgação/Netflix
Cara Gente Branca

Protagonizada por um grupo diverso de estudantes negros, a série mostra sua rotina enquanto navegam por uma universidade de ponta frequentada predominantemente por brancos. A série questiona a noção de que as tensões raciais não existem mais e não precisam ser trabalhadas nos EUA.

 

Black Mirror

Foto: Divulgação/Netflix
Black Mirror

Criada por Charlie Brooker, Black Mirror é uma série que, a partir de temas sombrios e muitas vezes satíricos, examina a sociedade contemporânea. Cada episódio conta com um elenco, um set e uma história diferentes. Em todos eles a trama traça uma antologia que mostra o lado negro da vida atrelada à tecnologia.

Narcos

Foto: Divulgação/Netflix
Narcos

Com 10 episódios, a trama narra as intrigantes histórias reais dos infames chefões do tráfico de drogas no final dos anos 80 e os esforços brutais realizados pelo DEA, departamento anti-drogas americano, para detê-los. Wagner Moura é quem dá vida a Pablo Escobar.

 

Luke Cage

Foto: Divulgação/Netflix
Luke Cage

Ao adquirir força descomunal e pele indestrutível após um experimento fracassado, Luke Cage se torna um fugitivo tentando reconstruir a vida no bairro do Harlem, em Nova York. Forçado a sair das sombras para defender sua cidade, ele acaba tendo que enfrentar o passado que tanto queria enterrar.

Desventuras em Série

Foto: Divulgação/Netflix
Desventuras em Série

Baseada na série internacional de livros campeões de vendas, Desventuras em Série conta a turbulenta vida de Violet, Klaus e Sunny Baudelaire após seus pais inoportuno falecimento em um incêndio. Uma negligência descuidada coloca as crianças sob a custódia de um parente distante chamado Conde Olaf, uma figura misteriosa e desonesta que busca uma fortuna roubando a herança deles. Após seu elaborado plano falhar e suas maléficas intenções serem reveladas, o Conde Olaf (Neil Patrick Harris) utiliza uma variedade de disfarces estranhos para atravessar o caminho das crianças, causando o caos aos Baudelaire e seus guardiões subsequentes. Enquanto as crianças conseguem se esquivar das tentativas do Conde Olaf de roubar sua fortuna, eles colecionam pistas pelo caminho sobre o passado de seus pais.

 

The Ranch

Foto: Divulgação/Netflix
The Ranch

Em The Ranch, Ashton Kutcher é Colt, um jogador semiprofissional de futebol americano que volta do banco de reservas para ajudar a tocar a fazenda da família com seu irmão mais velho Jameson “Rooster” (Danny Masterson) e seu pai Beau (Sam Elliott), a quem ele não via há 15 anos. Debra Winger é Maggie, a mãe de Colt e Rooster e gerente do bar da cidade mais próxima.

Santa Clarita Diet

Foto: Divulgação/Netflix
Santa Clarita Diet

Joel (Timothy Olyphant) e Sheila (Drew Barrymore) são um casal de corretores de imóveis insatisfeitos com a vida que levam em um bairro do subúrbio de Los Angeles, chamado Santa Clarita. Os dois ainda dividem essa insatisfação com a filha adolescente, Abby Hammond (Liv Hewson). Um dia, Sheila passa por uma transformação drástica que os coloca em um caminho de morte e destruição… mas no bom sentido.

 

3%

Foto: Divulgação/Netflix
3%

“3%” é um thriller pós-apocalíptico que se passa no Brasil em um futuro não distante, onde uma porcentagem mínima da população é aceita para integrar uma sociedade privilegiada, após passar por um processo intenso e competitivo.

The Art of Design

Foto: Divulgação/Netflix
The Art of Design

Do produtor Morgan Neville, Abstract é uma série documental que leva a conhecer o mundo da arte e a ciência do design. Passando dos computadores e croquis ao processo criativo dos maiores designers de cada especialidade, a série tenta compreender como eles criam o mundo que nos rodeia.

 

Master of None

Foto: Divulgação/Netflix
Master of None

O comediante Aziz Ansari estrela, escreve e dirige a comédia original da Netflix, que é vagamente baseada em suas próprias experiências. Master of None segue a vida pessoal e profissional de Dev, um ator de 30 anos que vive em Nova York e não consegue nem decidir o que quer comer, quanto mais o que vai fazer do resto da vida.

13 Reasons Why

Foto: Divulgação/Netflix
13 Reasons Why

A série gira em torno de Hannah Baker, uma adolescente que, antes de cometer suicídio, envia fitas às pessoas que supostamente têm a ver com sua morte. Como o título sugere, são 13 gravações relatadas ao longo de 13 episódios.

American crime story: People v. O.J. Simpson

Foto: Divulgação/Netflix
American crime story: People v. O.J. Simpson

O julgamento de O.J. Simpson por duplo homicídio, o chamado Julgamento do Século, é dramatizado na primeira temporada da série antológica “American Crime Story”, mostrando as perspectivas da acusação e da defesa.

Gostou então deixa seu comentário aqui em baixo, nos fale qual série gosta mais.

Comentarios

comentarios